RUGENDAS. (Johann Moritz) HABITANTE DE GOYAS. Quadro a óleo pintado sobre madeira.

     
English   
 
   

Clique nas imagens para aumentar.



ALBUM COMEMORATIVO DA EXPOSIÇÃO-FEIRA DE ANGOLA.

Litografia Nacional do Porto. Exposição-Feira de Angola. Luanda. MCMXXXVIII [1938].

Formato oblongo de 24x31,5 cm. Com [i], 6, [cxlvi] fólios sem numeração. Encadernação do editor com a lombada em pele e com estampagens. em dourado e azul nas pastas.    

Ilustrado com 140 fotografias a preto e branco de C. Duarte, impressas só na frente dos 146 fólios sem numeração com a reportagem fotográfica sobre a Exposição Colonial de Luanda.

As fotografias estão divididas em cinco temas; Aspectos da Inauguração e da Afluência de Visitantes; Aspecto exterior e interior de Diversos pavilhões e stands; Aspectos parciais diversos; Aspectos exterior e interior do Pavilhão Principal, Aspectos exterior e interior do Bar Dancing e aspecto do Fogo de Artíficio.   

A  Exposição-Feira de Angola foi uma das mais notáveis realizações de propaganda dos inícios do Estado Novo e foi inaugurada pelo Presidente de República General Carmona no decurso da sua primeira viagem a África. O Certame  testemunhava o desenvolvimento de Angola e foi um dos percusores da célebre Exposição do Mundo Português realizada em Lisboa, em 1940.       

A Exposição-feira de Angola foi regulada por Portaria de 16 de Outubro de 1937 e levada a efeito após o sucesso da Exposição Provincial de Nova Lisboa, em Setembro de 1935, aproveitando o início do fornecimento continuo de electricidade à Cidade de Luanda, e dando relevo às actividades económicas e aos aspectos úteis e práticos do desenvolvimento.

Entre Outubro de 1937 e Abril de 1938 procedeu-se ao estudo dos projectos, preparação dos terrenos, recolha de elementos estatísticos e obtenção do concurso de particulares. Entre Abril e Agosto de 1938 procedeu-se à montagem da exposição. O apoio proveio dos Governadores das Províncias de Angola e do Director dos Serviços de Portos e Caminhos de Ferro, sendo a responsabilidade técnica do Dr. Frederico Bogorro Sequeira, e do Chefe de Repartição Augusto de Almeida Campos. 

A inauguração teve lugar no dia 15 de Agosto de 1938 pelo Presidente da República Portuguesa General Óscar Carmona, pelo Ministro das Colónias Dr. Vieira Machado, e pelo Governador-Geral Coronel António Lopes Mateus. O certame foi encerrado no dia 18 de Setembro de 1938, tendo sido visitado durante o período de funcionamento por 70 mil pessoas.

Destacamos a importância das realizações arquitectónicas efémeras e a decoração dos interiores inspirados no estilo Arte Deco, próprio da época, e das quais este catálogo - com clichés fotográficos de C. Duarte e impresso em "Offset" na Litografia Nacional do Porto - é um testemunho elucidativo.

Referência: 1204JC008
Local: SDC V4 P1


Caixa de sugestões
A sua opinião é importante para nós.
Se encontrou um preço incorrecto, um erro ou um problema técnico nesta página, por favor avise-nos.
Caixa de sugestões
 
Multibanco PayPal MasterCard Visa American Express

Serviços

AVALIAÇÕES E COMPRA

ORGANIZAÇÃO DE ARQUIVOS

PESQUISA BIBLIOGRÁFICA

free counters