RUGENDAS. (Johann Moritz) HABITANTE DE GOYAS. Quadro a óleo pintado sobre madeira.

     
English   
 
   

Clique nas imagens para aumentar.



PANOFSKY. (Erwin) EARLY NETHERLANDISH PAINTING.

Its origins and character. 2 Volumes. Volume One: Texts, Volume Two: Plates. Harvard University Press. Cambridge. Massachusetts. 1953.

De 31x24 cm. com XIII, 573, [xxviii], XXIV, 334 págs.

Encadernação do editor em tela. Primeiro volume ilustrado a p/b em extra texto sob papael couchê. Segundo volume profusmente ilustrado a p/b sob papel couchê.

1.ª Edição.

A obra traça uma perspectiva histórica do chamado 'gótico flamengo' desde a influência da iluminura franco-flamenga do século XIV ao chamado 'gótico internacional' do princípio do século XV e a importância dos mestres independentes, a escultura e a pintura de painéis, a importância das escolas regionais geralmente ligadas ao poder político e às tendências mais ou menos mecenáticas de quem está no poder na altura. Não pretendendo ser um 'diccionário' de pintores holandeses, a nível particular dedica-se apenas às obras de Hubert e/ou Jan van Eyck e de Roger van der Weyden.

O 'gótico flamengo' refere-se a um grupo de pintores, também chamados de 'primitivos flamengos', que trabalharam principalmente no século XV e começo do século XVI, na época do chamado Renascimento nórdico, em cidades como Tournai, Bruges, Ghent e Bruxelas, onde hoje é a Bélgica (áreas então dominadas pelo Ducado da Borgonha e pela Casa de Habsburgo).

A fase dos 'primitivos flamengos' coincidiu com o apogeu da influência dos Países Baixos no norte da Europa. Como consequência, muitas obras eram encomendadas aos ateliers do norte e vendidas por toda a Europa. Muitas obras foram destruídas nas ondas de iconoclastia dos séculos XVI e XVII. A autoria de outras é até hoje motivo de debates.

Este estilo incorporara ao mesmo tempo, o apogeu da Idade Média e a transição para o Renascimento. Caracteriza-se pela descrição minuciosa da natureza e pela iconografia e simbologia complexas em cenas religiosas ou pequenos retratos. Outra inovação dos pintores flamengos foi o uso da tinta a óleo, em substituição da têmpera, criando assim uma nova tradição na pintura.

Referência: 1604IA007
Local: M-1-A-14


Caixa de sugestões
A sua opinião é importante para nós.
Se encontrou um preço incorrecto, um erro ou um problema técnico nesta página, por favor avise-nos.
Caixa de sugestões
 
Multibanco PayPal MasterCard Visa American Express

Serviços

AVALIAÇÕES E COMPRA

ORGANIZAÇÃO DE ARQUIVOS

PESQUISA BIBLIOGRÁFICA

free counters