RUGENDAS. (Johann Moritz) HABITANTE DE GOYAS. Quadro a óleo pintado sobre madeira.

     
English   
 
   

Clique nas imagens para aumentar.



MANTERO. (Francisco) A MÃO D’ OBRA EM S. THOMÉ E PRINCIPE.

Extracto da conferência do Sócio Ex.mo Sr. Francisco Mantero realizada na noite de 13 de Fevereiro de 1911 sob a presidência do Ex.mo Sr. Ministro das Colónias. Asssociação Central da Agricultura Portugueza. 8ª Secção. Typ. Christovão A. Rodrigues. Lisboa. 1911.

De 24,6x17 cm. Com 112 págs. Brochado.

Exemplar com dedicatória do autor à Redacção do Diário Popular, manuscrita, que se inicia na capa de brochura e termina na folha de rosto.

O exemplar tem igualmente ex-libris de Eduardo Moreira colado no interior da capa de brochura.

Texto da conferência pronunciada por Francisco Mantero, expondo as mesmas posições já demonstradas na sua obra de referência com o mesmo título, na qual defende Portugal dos ataques de países estrangeiros que competiam com o nosso país pela exploração dos recursos de África.

Nesta obra perpassa o sentimento anti Inglaterra que datava do Ultimato e que era uma das traves mestras do pensamento do novo regime Republicano.

Obra rara e muito importante para a História de Portugal, de São Tomé e Príncipe, das roças do arquipélago e da explorações agrícolas muito viradas, nesta época, para o cacau. Contém dois apensos: um com a transcrição de documentos, que não foram lidos na conferência, e o segundo com documentos posteriores à realização da conferência, datados de Março e Abril de 1911.

Referência: 1811PG057
Local: I-11-C-24


Caixa de sugestões
A sua opinião é importante para nós.
Se encontrou um preço incorrecto, um erro ou um problema técnico nesta página, por favor avise-nos.
Caixa de sugestões
 
Multibanco PayPal MasterCard Visa American Express

Serviços

AVALIAÇÕES E COMPRA

ORGANIZAÇÃO DE ARQUIVOS

PESQUISA BIBLIOGRÁFICA

free counters